café do brasil no japão

Além de tomarem muito chá, os japoneses também consomem muito café, especialmente gelado. E, o interessante, é que o país é o terceiro maior importador de café brasileiro (verde, solúvel e torrado e moído), com a importação de 2,24 milhões de sacas de 60 quilos, o que correspondeu a U$ 290 milhões, em 2007.

Para aproximar estas relações, o Brasil participa em outubro da Conferência e Feira Mundial de Cafés Especiais 2008, em Tóquio, levando ao Japão palestras sobre o café, do cultivo ao consumo, além de cursos e da participação no Campeonato de Barista do Japão. O estande Cafés do Brasil oferecerá degustação de café das diferentes regiões do País, material de divulgação e apresentação de filmes institucionais.

————————

A primeira curiosidade, é que a Wikipedia diz que o termo “canned coffee” (café em lata) foi criado no Japão, e depois levado aos países de língua inglesa. O termo teria sido criado em 1969 pela companhia UCC Ueshima Coffee Co.

Existem inúmeros tipos de “canned coffee” no Japão, sendo o mais comum o café com leite. O café puro também é popular, assim como os low sugar, cafe au lait e leite com café sem açúcar. As latas, tanto quentes quando geladas, podem ser encontradas por toda a cidade nas vending machines. Um delírio para os café-maníacos de plantão!

Anúncios
Esse post foi publicado em japas na cozinha, japas na vida e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s