paulo leminski e haicai

O bom do haicai é que depois que você domina o jeito clássico, não precisa seguir tanto as regras – não se iluda, um luxo de superação para poucos.
No Brasil, existe uma corrente mais tradicional e outra mais inventiva. Desta segunda fazem parte poetas como Paulo Leminski, Alice Ruiz, Alonzo Alvarez, Teruko Oda, Eunice Arruda, Arnaldo Antunes, entre outros.

Alguns do Paulo Leminski:

a noite me pinga
uma estrela no olho
e passa

esta vida é uma viagem
pena eu estar
só de passagem

primeiro frio do ano
fui feliz
se não me engano

a estrela cadente
me caiu ainda quente
na palma da mão

Anúncios
Esse post foi publicado em japas nas letras e marcado , , . Guardar link permanente.

2 respostas para paulo leminski e haicai

  1. Tony Marques disse:

    O haicai é isso:
    mal começou,
    já acabou…

    Tony Marques

    Gosto muito das duas correntes do Haicai, no entanto, entendo que nós Brasileiros devemos seguir a segunda, o do Leminski nosso eterno Haicaísta… Respeitando sempre a memória e a herança deixada por Bashô, Issa e Buson.

    Tony Marques

  2. helviocampos disse:

    Não domino a forma mais tradicional, mas quero um dia conseguir com naturalidade…

    abraço

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s